Bênção da Correia. Proteção de Nossa Senhora da Consolação

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

Frei Ademildo Gomes – A família Agostiniana honra a Virgem Santíssima com o título principal de Nossa Senhora da Consolação ou Nossa Senhora da Correia, cuja solenidade é celebrada no dia 4 de setembro. Nesse ano, a Paróquia Santa Rita de Cássia de Vitória promoveu o Tríduo em louvor à Mãe da Consolação entre o dia 01, 02 e 03 e no último dia do Tríduo aconteceu o gesto devocional da Bênção das Correias e sua entrega aos féis devotos de Maria como sinal da proteção e auxílio de Nossa Senhora

Essa piedosa tradição na espiritualidade agostiniana narra que Maria Santíssima teria aparecido a Santa Mônica quando esta se achava imersa em tristezas porque seu filho Agostinho permanecia preso ao pecado e às paixões do mundo. A Virgem apareceu e entregou à Santa Mônica uma correia como sinal de seu carinho, proteção e consolação. Com correias semelhantes, mais tarde, o próprio Agostinho e seus irmãos de comunidade se cingiram. Esta devoção mariana remonta o tempo dos apóstolos, pois a Virgem Maria, após a morte e ressureição de Jesus foi aquela que, junto à Igreja nascente, suplicou e esperou a vinda do Consolador prometido.  Maria é a mãe que nos consola em todas as nossas aflições.

Para expressar a confiança na proteção maternal de Maria, no dia 03 de setembro, vésperas da Solenidade de Nossa Senhora da Consolação, cinquenta fiéis, dentre eles alguns membros da Fraternidade Agostiniana Recoleta (FRASAR), se reuniram na igreja Matriz da Paróquia Santa Rita para receberam a correia abençoada com a invocação de Nossa Senhora.  Sobre os fiéis reunidos o pároco Frei Ademildo fez a seguinte oração:

Irmãos e irmãs, a participação nas dores da paixão de seu Filho e nas alegrias da ressureição deu a Maria as condições necessárias para levar consolação a todos, quaisquer que sejam as aflições em que nós nos encontremos. Recorramos com confiança, e peçamos a intercessão de nossa Mãe da Consolação diante das adversidades para que saibamos fazer a Vontade de Deus e perseverar até o fim repousando o nosso coração no manso e humilde Coração de Jesus.Que esta correia seja um sinal da proteção de Deus e Nossa Senhora da Consolação. Por Cristo nosso Senhor, amém.

            Que cada fiel e devoto de Maria que recebeu a Correia abençoada, conte sempre com a consolação de Nossa Senhora em todas e quais aflições e possa também se tornar um instrumento de misericórdia na vida dos seus irmãos. Amém.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
DESTACAMOS

CSA-Leblon: Dia Vocacional Missionário para o Ensino Médio

Pastoral CSA- Leblon – Os alunos do Ensino Médio participaram …

20 de outubro: Santa Madalena de Nagasaki

Padroeira da Fraternidade Secular Agostiniana Recoleta Frei Jose Roberto Mason …

Cinco ideias do Congresso sobre a Vida e a Dignidade Humana

O Centro de Espiritualidade Agostiniano Recoleta da Andaluzia realizou, de …

ARTIGOS RELACIONADAS
COMENTÁRIOS