Mês vocacional-Agostiniano no Marajó

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

Frei Tiago Coelho – Todos os anos nossas três comunidades agostinianas da Prelazia do Marajó iniciam este tempo festivo e vocacional, que é para nós o mês de agosto, algumas semanas antes de entrar no mesmo. Quer dizer, nossa alegria se renova e nosso ânimo ganha impulso já nos festejos de Sant´Ana em nossa comunidade de Breves – maior município do Marajó, com 103 mil (estimativa IBGE 2021), que tem àquela que a Sagrada Tradição identificou como avó de nosso Senhor. Este ano a novidade instituída pelo Papa Francisco por ocasião desta solenidade em Breves-PA é o Dia Mundial dos Avós e dos Idosos. Momento de graça para nosso povo católico brevense, pois, em nossa comunidade há alguns anos foi criada e estruturada a Pastoral da Pessoa Idosa (PPI), atualmente com mais de cinquenta voluntários e mais de cem idosos.

            Agosto também é um mês muito especial em nossa comunidade N.S. da Luz em Portel-PA – nossa maior paróquia em número de habitantes e extensão territorial –com 62 mil habitantes (estimativa IBGE 2021) e com uma extensão de 4 dias de viagem de barco de uma ponta à outra da Paróquia que é, em número de CEBs (mais de 100), majoritariamente, ribeirinha. Como todos os anos no segundo mês de agosto, dia dos pais, o povo católico portelense se une para celebrar sua maior festa mariana: Círio de N.S. de Nazaré, maior festa mariana do Marajó em número de fiéis. Este ano de 2021 nossa alegria em Portel só aumenta ao celebrarmos os 18 anos das JAR em nossa comunidade. O mês vocacional Agostiniano alcança seu cume com a solenidade de Santa Mônica (maior comunidade urbana de Portel-PA) e Santo Agostinho, juntamente de nossas irmãs Agostinianas que há mais de 50 anos encarnam o carisma de nossa família na Pérola do Pacajá (como é conhecido o munícipio na região).

            Em Salvaterra-PA, na Costa da Ilha do Marajó, iniciamos o mês vocacional no marco da Semana Nacional da Família. Já em julho recebemos a visita do casal que coordena o Regional da Pastoral, Luciana e Carvalho, e para a próxima Semana que inicia no domingo, dia dos pais, nossas famílias de Salvaterra se reunirão juntamente de nosso bispo emérito, D. José Azcona OAR, precisamente, para refletir acerca da “Família e Iniciação à Vida Cristã”. Esperamos encerrar a Semana Agostiniana com a festa de N.S. da Consolação, em sua comunidade. Uma vez que em 2020, durante o pico da pandemia no Marajó,N.S. da Consolação foi reconhecida como padroeira de um de nossos bairros mais pobres, na periferia urbana do munícipio.

            Pelo exposto, neste mês vocacional-agostiniano de 2021 nos encontramos com ânimo renovado. A chegada da vacina contra a covid-19, a retomada gradual e limitada de nossos compromissos civis e eclesiais, passaram a nos encher de esperança.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
DESTACAMOS

“Não tenhamos medo, o Senhor está conosco”

Site da Ordem – O Prior geral presidiu a Eucaristia …

Ordenação Sacerdotal de frei Gabriel Finol OAR

A Ordem dos Agostinianos Recoletos, Província Santo Tomás de Vilanova …

Ato Comemorativo dos 400 anos do primeiro Capitulo Geral dos Agostinianos Recoletos

Iniciamos o ato comemorativo dos 400 anos do primeiro Capítulo …

ARTIGOS RELACIONADAS
COMENTÁRIOS