Agostinianos Recoletos
Argentina Artigo Brasil Espanha Paróquias Peru Seminários e vocações Venezuela

Milhares de Rosas para Maria

|Frei Sérgio Sambl | As famílias religiosas comumente adquirem o habito de rezar à Virgem Maria, sob algum titulo de sua preferência e conforme algumas formas particulares de piedade e devoção. A Ordem Agostiniana Recoleta não é diferente, uma vez que muitos títulos marianos foram sendo acolhidos e propagados pelos Recoletos em sua historia. E uma das praticas, comuns a todos os cristãos, e que torna-se comum entre os religiosos é a oração do Terço Mariano.

As próprias constituições da Ordem pedem que se ame a Virgem Maria e que  lhe seja devotada  praticas de piedade e devoção. Conforme Constituições dos Agostinianos Recoletos, número 78 : “Todas as comunidades e cada religioso amem fielmente e procurem imitar a Santíssima Virgem Maria, Mãe de Deus, em cuja proteção se apóia a recoleção agostiniana.  Procurem honrá-la principalmente com o culto litúrgico e tenham em grande estima sobretudo aqueles exercícios de piedade mariana recomendados pelo Magistério da Igreja e que expressam mais claramente a nota trinitária e cristológica que lhes é intrínseca e essencial. Venerem de modo especial e fomentem a piedade dos fiéis para com a Virgem Maria sob o título de Nossa Senhora da Consolação, tradicional na família agostiniana. “

O Papa Francisco em Carta a todos os fiéis para o mês de Maio, fez o pedido que se intensificasse a oração do terço: “Neste mês, é tradição rezar o Terço em casa, com a família; dimensão esta – a doméstica –, que as restrições da pandemia nos «forçaram» a valorizar, inclusive do ponto de vista espiritual. Por isso, pensei propor-vos a todos que volteis a descobrir a beleza de rezar o Terço em casa, no Mês de Maio. Podeis fazê-lo juntos ou individualmente: vocês poderão decidir de acordo com as situações, valorizando ambas as possibilidades. Seja como for, há um segredo para o fazer bem: a simplicidade. E é fácil encontrar, mesmo na Internet, bons esquemas para seguir na sua recitação”.

Em unidade com este pedido do Papa Francisco, nossa província Santo Tomas de Vilanova rezou o terço durante os 31 dias de maio, rezando desde os cinco países que compõem a província (Brasil, Espanha, Argentina, Peru e Venezuela), desde casas religiosas, paróquias e seminários. Foi rezado o terço bilíngüe, em português e espanhol e transmitidos pelas redes sociais da província. Isto proporcionou a oportunidade que os fiéis que acompanhavam a oração conhecessem nossas casas e religiosos e se unissem aos frades em oração pelo fim da pandemia.

Noticias Relacionadas

Convite para Profissão Solene e Ordenação Diaconal

Sergio Sambl

Mensagem do prior provincial pelo dia de Santa Madalena de Nagazaki

Vanesa Pagiola

O consultório São Judas Tadeu no bairro La Pastora em Caracas retoma suas atividades

Roberto Mason

Vigília virtual de Pentecostes das JAR Argentina

Rodolfo Pereira

FSARs Venezuela: Encuentro Nacional de Presidentes y Formadores

Roberto Mason

El prior general visita la comunidad Fray Luis de León de Caracas

Roberto Mason

Deja un comentario